Viagem pelas ruínas de Éfeso na Turquia

Sabias que uma das 7 maravilhas do mundo antigo está situada em Éfeso, na Turquia? Consegues imaginar o que seria poder viajar no tempo até ao ano de 550 a.C. na Turquia, e apreciar uma grandiosa obra de arte, construída à mão e em mármore? Atualmente, do Templo de Ártemis, outrora um dos maiores templos do mundo, muito pouco ou nada sobra. No entanto, dos pequenos fragmentos que restam, é possível idealizar a grandiosidade deste templo e como viviam os cidadãos de Éfeso.

Um dos pontos de interesse mais importantes nas ruínas de Éfeso, na Turquia, é sem dúvida o Templo de Ártemis. Este local recebe, todos os anos, milhares de turistas provenientes dos vários cantos do mundo, apaixonados por arte, arquitetura e história.

Por isso, caso estejas a planear uma viagem à Turquia, coloca este majestoso e ancestral templo no teu roteiro. Não te vais arrepender!

ruinas-efeso-turquia
Ruínas de Éfeso na Turquia © lavidaesmara

Factos curiosos

O Templo de Ártemis foi construído na cidade antiga de Éfeso, no ano de 550 a.C., em homenagem Ártemis. Ártemis, deusa grega da caça e da vida selvagem, era filha de Zeus e irmã gémea de Apólo. O Templo de Ártemis era constituído por 127 colunas de mármore que atingiam 19 metros de altura. No entanto, nos dias de hoje sobra apenas ruínas de 1 destas colunas, em resultado da erosão e do seu desgaste ao longo dos anos – e da qual, infelizmente, não temos nenhuma fotografia.

Além deste fator geológico, o templo foi incendiado em 356 a.C. por Eróstato. Vinte anos depois, foi reconstruído por Alexandre Magno e, destruído novamente em 262 a.C. pelos godos, durante um assalto a Éfeso.

Desde 1906 e até aos dias de hoje, este local é protegido pelo governo turco, que proibiu a extração de qualquer resto arqueológico. Apesar disso, alguns fragmentos mais importantes do Templo de Ártemis estão conservados no British Museum de Londres.

Ruínas de Éfeso © lavidaesmara
Ruínas de Éfeso © lavidaesmara

O que ver em Éfeso, na Turquia

Apesar de restar muito pouco do Templo de Ártemis, à sua volta é possível observar as ruínas da cidade antiga de Éfeso (a que correspondem todas as fotografias deste artigo, para que não restem dúvidas) que foi construída séculos antes de Cristo e, desde 2015, é considerada Património da Humanidade pela UNESCO. Diz-se que, em tempos, Éfeso tinha 500.000 habitantes.

Ao pecorreres estas ruínas encontrarás vários locais com elevado valor arquitetónico e histórico. Destacamos os mais importantes que não podes perder: a Biblioteca de Celsus, o Templo de Adriano, o Teatro de Éfeso e claramente, a coluna do Templo de Ártemis, uma das sete maravilhas do mundo antigo.

Ruínas em Éfeso © lavidaesmara
Ruínas em Éfeso © lavidaesmara

Aconselhamos também uma visita à Basílica de São João, à cidade de Selçuk e à Casa da Virgem Maria, onde se supõe que Maria tenha vivido durante os últimos anos da sua vida, após a crucificação de Jesus Cristo.

Biblioteca de Celsus

A Biblioteca de Celsus foi uma das maiores bibliotecas do mundo criada no ano 114 d.C. e chegou a conter mais de 12.000 manuscritos.

Diz-se que tocar e passar entre duas colunas da Biblioteca de Celsus dá sorte. Se é verdade, não sabemos. Mas não custa nada tentar e registar o momento em fotografia!

Biblioteca de Celsus em Éfeso, Turquia © lavidaesmara
Ruínas da Biblioteca de Celsus em Éfeso, Turquia © lavidaesmara

Templo de Adriano

O Templo de Adriano foi construído em homenagem ao Imperador Adriano em 138 d.C. e é, atualmente, a estrutura mais bem conservada de Éfeso. É possível observar as colunas e o arco do templo e, no seu interior, é de destacar a estátua de Medusa, cujo propósito, na altura, era afugentar os espíritos malígnos.

Templo de Adriano © lavidaesmara
Templo de Adriano © lavidaesmara
Detalhes do Templo de Adriano © lavidaesmara
Detalhes do Templo de Adriano © lavidaesmara

Teatro de Éfeso

Originalmente, o teatro de Éfeso tinha uma capacidade máxima de 25.000 pessoas. Este local foi palco de vários eventos como lutas de gladiadores, concertos, teatros, reuniões políticas e religiosas.

Teatro de Éfeso © lavidaesmara
Teatro de Éfeso © lavidaesmara

Conselhos para visitar Éfeso na Turquia

Se tiveres dúvidas sobre quando visitar Éfeso, convém saberes que costuma fazer imenso calor durante o verão. Se a tua viagem for durante os meses de verão, recomendamos que agendes a visita para a parte da manhã ou para o final da tarde, evitando assim as horas de maior calor. Todos os outros meses são ótimos para visitar as ruínas de Éfeso.

Na entrada principal de Éfeso existem vários postos de artigos regionais de comida e bebida, onde poderás comprar uma garrafa de água e um boné para te protegeres do calor e assim desfrutar ao máximo a visita. Aproveita e compra também uma lembrança!

Localização

Onde fica o Templo de Ártemis e Éfeso na Turquia? O Templo de Ártemis está localizado na cidade antiga de Éfeso, próximo a Selçuk, no distrito de Esmirna na Turquia.


🍀 Já pensaste o que seria visitar Éfeso da forma mais dinâmica possível? Confere este tour 6 dias pela Capadócia, Pamukkale e Éfeso.

✨ Faz como nós e edita as tuas fotografias com os fantásticos Maja presets.

📸 Para mais destinos inspiradores, segue-nos no Instagram.

4 Replies to “Viagem pelas ruínas de Éfeso na Turquia”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s