Passeio de barco no Lago de Como: O que visitar? Quanto custa?

Passeio de barco no Lago de Como

Gostarias de fazer um passeio de barco no Lago de Como? Sabe o que podes visitar, quanto custa e quanto tempo precisas para esta viagem.

Continuamos a querer partilhar contigo a nossa humilde experiência de viagem ao Lago de Como, na Itália, mais precisamente na região da Lombardia. Desta vez, queremos contar-te como decorreu o nosso passeio de barco na Lago de Como, onde tivemos a oportunidade de descobrir os mais relaxantes recantos deste precioso local criado pelos deuses.

O Lago de Como é um lago fascinante que te transporta para um mundo mágico, talvez por estar escondido no meio de montanhas. Aí, a vida humana é colocada em segundo plano, perante a água azul escura e um horizonte vestido de branco. Afinal, desde o Lago de Como é possível avistar os Alpes italianos, com os seus picos cobertos de neve.

Alpes italianos com neve
Os Alpes vistos do Lago de Como © lavidaesmara

Caso estejas a pensar visitar a Itália e não sabes até onde ir, recomendamos-te sem dúvida a ficar atento a este artigo. Acreditamos que a experiência de barco no Lago de Como é uma das melhores atrações turísticas deste país.

Poderás assim tomar ar fresco e conhecer mais sobre uma região que teve uma importância vital na história do Sacro Império Romano-Germânico.

Lago de Como: O que fazer?

Quando o tempo ajuda, acreditamos que o Lago de Como tem muito para oferecer e até está ao nível de outros locais de Itália, como Roma ou a tão imponente Costa Amalfitana. No Lago de Como poderás realizar caminhadas em família ou com amigos, seja na capital da província, a cidade de Como, ou noutras das suas cidades como Lecco, Varenna, Bellagio, Menaggio ou Bellano.

Caso queiras desfrutar de uma experiência panorâmica sobre o Lago de Como, é recomendável subir até Brunate com o funicular, ou visitares o Castello Baradello, a pé. São dois dos pontos mais altos no Lago de Como e que permitem contemplar a cidade, monumentos e lago em grande plano. Caso não sejas amante de montanhas, poderás ficar junto das pequenas praias que existem ao redor do lago ou vestir-te a rigor para um aperitivo ao final da tarde. Nos dias mais quentes, como aqueles em que tivemos oportunidade de visitar o local, há música e uma boa energia constantes nos seus ecléticos restaurantes e bares. Em Itália há resposta para todos os teus gostos.

Lago de Como na Itália
Vista das montanhas sobre o Lago de Como © lavidaesmara

Como não poderia faltar, deverás fazer um passeio de barco no Lago de Como. Planeamo-lo de maneira a descobrir várias cidades em redor do Lago de Como, e as suas tão luxuosas e burguesas villas. O passeio de barco no Lago de Como é uma aventura inesquecível, sobretudo se estiver sol. À medida que o barco realiza o seu percurso, poderás calmamente tirar fotografias dos locais que são certamente dos mais encantadores deste planeta.

Fica a saber que o passeio de barco no Lago de Como que realizámos teve a duração de um dia. O embarque é feito junto da Piazza Cavour em Como (ao lado do Hotel Suisse), onde se encontra o cais Navigazione Laghi – perfeitamente identificado através de placas na via pública ou mesmo pela bandeira da marinha italiana no topo, que pode ser avistada a vários metros de distância.

Estás pronto para a viagem de barco no Lago de Como? Embarca connosco e respira a energia romântica que a região tem para te oferecer.

bandeira italiana Lago di Como
Um dos barcos que parte à descoberta do Lago de Como © lavidaesmara

Quanto tempo dura o passeio de barco no Lago de Como?

Gostarias de saber quanto tempo dura o passeio de barco no Lago de Como? Na realidade, nós tivemos a possibilidade de realizar um passeio de barco no Lago de Como durante 1 dia completo. Uma vez que visitámos Como durante o verão, optámos pelos barcos pertencentes à navegação pública. Não só têm mais espaço, como têm horários de partida com maior frequência.

Existem também passeios de barco no Lago de Como realizados por empresas privadas, mas no verão exigem reservas com períodos de antecedência mais largos, além dos seus preços serem superiores a 100 euros, para conhecer apenas um ou dois vilarejos. Não penses que duram 1 dia, porque são viagens normalmente de 1 a 2 horas. Acreditamos que é muito mais simples navegar num dos barcos públicos que até são bastante pontuais (algo pouco comum para os meios de transporte em Itália!).

Impossível não mencionar, que é muito mais fácil partir de barco diretamente da cidade de Como, pois é onde existem barcos com mais regularidade. A nossa partida decorreu logo pela manhã, às 09h10 e o nosso regresso a Como aconteceu por volta das 20h, quando era já noite na cidade. São cerca de 2 horas de Como a Varenna, a nossa primeira paragem, mas o passeio no Lago de Como nunca chega a ser cansativo, porque observas cada recanto, cada montanha e esqueces, por completo, os teus problemas.

Quanto custa o passeio de barco no Lago de Como?

A bilheteira do cais de Como oferece-te um bilhete diário, que te permitirá embarcar e desembarcar regularmente de diferentes barcos sem qualquer custo adicional – não te esqueças de guardar o bilhete e mostrá-lo antes do embarque.

O passeio de barco no Lago de Como custa 25,80 euros por adulto. Acreditamos que é um valor bastante em conta, sem esquecer que poderás chegar ao teu último destino até à 00h.

Lago de Como
Horários e cidades que se podem visitar com o bilhete diário no Lago de Como, na Itália © lavidaesmara

Obviamente, se depois quiseres utilizar um táxi ou uma embarcação privada para conhecer outro local irás pagar um valor acrescido. Os barcos-táxis nas diferentes cidades ao redor do Lago de Como têm horários e preçário variados. Fala diretamente com um dos taxistas, que são bastante simpáticos e esclarecem todas as tuas dúvidas.

Varenna: O que fazer? O que ver?

Entre as coisas para ver durante o passeio de barco no Lago de Como está uma das vilas mais encantadoras do mundo: Varenna. Conhecida pelas suas ruas estreitas, pelas suas igrejas e pela vista arrepiante, Varenna é um dos locais mais visitados pelos turistas no Lago de Como por ser rica em cores, boa comida e saborosos gelados artesanais.

Segue os pontos a seguir para conheceres o que ver e o que fazer em Varenna.

Passeggiata degli Innamorati

Apesar de pequena – tem apenas 11 km2 e pouco menos de 1.000 habitantes – Varenna oferece talvez o local mais romântico do Lago de Como, a icónica “Passeggiata degli Innamorati” ou também referida como “Passeggiata dell’Amore” (que quer dizer “caminhada dos namorados” ou “caminhada do amor”).

Este percurso pedonal, que começa no cais de Varenna leva-te até ao centro da vila, e corresponde a uma estrutura de metal vermelha coberta por plantas trepadeiras. Ao longo do caminho poderás tirar algumas fotos e admirar a vista panorâmica.

Centro Histórico de Varenna

Depois de percorrida a Passeggiata degli Innamorati, chegámos finalmente ao centro histórico de Varenna, onde existe muito movimento. Quando visitámos Varenna era praticamente hora de almoço e os restaurantes e esplanadas estavam totalmente cheios (aconselhamos-te a reservar caso faças questão de almoçar por aqui). Como ainda não tínhamos fome, percorremos o local calmamente, visitámos algumas lojas de souvenirs e lojas de artesanato em Varenna.

Vista do Lago de Como em Varenna
Lago de Como em Varenna, na Itália © lavidaesmara

Ao longo do centro histórico de Varenna, existe um verdadeiro labirinto, com várias ruas apertadas e escadarias bastante íngremes. Recomendamos-te por isso a utilizar calçado próprio. De vez em quando, poderás parar e olhar por entre as ruas, que te darão uma vista surpreendente sobre o lago, à medida que os raios de sol iluminam o percurso.

Villa Monastero em Varenna

A Villa Monastero em Varenna é uma das razões pelas quais muitos turistas realizam um passeio de barco no Lago de Como e temos a certeza que é um pontos que realmente vale a pena conhecer.

Localizada nas margens do Lago de Como, a Villa Monastero é atualmente uma casa-museu, sendo apelativa pelo seu Jardim Botânico com mais de 2 quilómetros e que te permitirá contemplar inúmeras espécies arbóreas, arbustivas e herbáceas. A Villa Monastero foi construída no século XII, e o seu nome vem da sua intenção primeira: servir como mosteiro para a ordem de irmãs Cistercienses. No início de 1600, passou para as mãos da família Mornico, e desde então funciona como uma villa burguesa de luxo. A arquitetura moderna que está presente em alguns dos seus acabamentos, foram todas consolidadas no século XX, pela família De Marchi, que ali viveu entre os anos de 1925 e 1936. Neste último ano, devido à morte de Marco De Marchi, a Villa Monastero foi doada ao público.

Varenna
representação da cidade de Varenna © lavidaesmara

Caso estejas interessado em visitar a Villa Monastero em Varenna deverás ter em atenção os preços. Existem três tipos de bilhetes: o bilhete jardim, mais visita à Villa e ao Museu, que te dá acesso a todos os espaços, o bilhete apenas para o Jardim Botânico ou o bilhete completo para visitar a Villa Monastero e a Villa Cipressi, incluindo os seus respetivos jardins. A escolha é tua, e temos a certeza que qualquer uma é boa opção.

Igreja de São Jorge em Varenna

De regresso ao centro de Varenna, e antes de seguir viagem de barco pelo Lago de Como, aconselhamos-te a visitar a Igreja de São Jorge em Varenna, um edifício de origem medieval, e que te transportará no tempo.

O exterior da Igreja de São Jorge é completamente em pedra, enquanto o interior é composto por frescos, que datam do século XIII. Destaque, por exemplo, para a imagem do Baptismo de Jesus de 1533. No interior da Igreja de São Jorge em Varenna há também um altar de estilo barroco feito em mármore e um tabernáculo de estilo neoclássico.

Existem outras tantas coisas a fazer em Varenna, mas acreditamos que estes são locais suficientes para descobrir durante o passeio de barco no Lago de Como. Se a fome apertar deverás parar num dos seus restaurantes. Caso contrário, se ainda conseguires fazer uma viagem de barco, poderás continuar o teu passeio.

Menaggio: O que fazer? O que ver?

Depois de termos passado por Varenna, continuámos viagem e partimos à descoberta de Menaggio, que se encontra a aproximadamente 15 minutos de barco de Varenna. Menaggio não é tão turística como Varenna ou Bellagio, mas é um dos vilarejos mais agradáveis, caso estejas à procura de paz e boa comida.

Menaggio, em Itália
Menaggio, cidade do Lago de Como © lavidaesmara

Entre o que podes fazer em Menaggio encontra-se uma caminhada pelo percurso pedonal junto do Lago, rodeado de árvores e com um magnífico cheiro a Lavanda. Aliás, encontram-se lojas e barracas da famosa loja Lavanda del Lago, com estabelecimentos espalhados por toda a Europa, incluindo Portugal. Durante séculos, a cidade serviu de paragem comercial, sendo agora um dos principais centros turísticos do Lago de Como.

Centro Histórico de Menaggio

O centro histórico de Menaggio é caraterizado pelo estilo medieval. A colorida vila antiga conta com inúmeros bares, lojas típicas e restaurantes. Depois de passar pelo centro decidimos almoçar e foi então que escolhemos o simpático restaurante do . Não é um lugar de luxo, mas um hotel bastante acolhedor, com várias plantas ao redor da esplanada, que lhe confere uma aparência vintage. Talvez tenha sido das nossas melhores refeições no norte de Itália, apesar de termos comido uma simples Pasta Al Pomodoro, com um delicioso Tiramisù como sobremesa.

Depois do almoço, voltámos a fazer uma caminhada pelo centro de Menaggio, mas não quisemos perder muito mais tempo aqui e continuámos o nosso passeio de barco no Lago de Como, para ver outras coisas. Conseguimos ver ainda visitar a Igreja de Santa Marta, com fachada neo-gótica, um interior simples, mas bastante interessante e uma fonte original de água.

Claro que tivemos a sorte de visitar o local durante o final do verão, onde faziam aproximadamente 17ºC. Mesmo assim, informamos-te que durante o inverno costuma chover imenso em Menaggio, por isso não te esqueças do guarda-chuva.

Bellagio: O que fazer? O que ver?

Bellagio é particularmente fascinante e tornou-se o nosso sítio de eleição no Lago de Como. Não é que tenha particularmente muitas coisas para fazer, mas permite-te desfrutar da natureza com calma. Tem pouco mais de 29 km² e praticamente 3.000 habitantes.

O que fazer em Bellagio
Foto panorâmica da vila de Bellagio © lavidaesmara

Curiosamente, Bellagio está situada na ponta que separa os dois lados do Lago de Como, o famoso Lago em “Y” italiano. Nesta cidade, poderás observar como o azul da água confunde-se na perfeição com o verde das montanhas circundantes, dominadas pela presença de castanheiros, oliveiras e pinheiros. A paisagem de Bellagio é realmente cativante, e graças às suas praças mais amplas e ao longo percurso pedonal junto do lago poderás observar as zonas do Lago de Como perfeitamente ensolaradas.

Sabias que Bellagio é conhecida como a “pérola do Lago de Como”? Esta é realmente uma cidade de sonho, que vale a pena conhecer durante o teu passeio de barco no Lago de Como. Vem connosco desfrutar de alguns dos espaços oferecidos em Bellagio.

Caminhada pelo Centro Histórico de Bellagio

Ao entrar na cidade serás arrebatado pelos becos de Bellagio, construídos para levar os seus habitantes mais rapidamente até ao lago. Existem mesmo várias escadarias com inúmeras lojas que vendem produtos típicos, gelados e também artesanato, pratos, tapeçarias e até móveis. Caso estejas à procura de um novo objeto decorativo para o teu lar, temos a certeza que encontrarás a resposta no centro histórico de Bellagio. O centro de Bellagio é conhecido pelos locais como “il Borgo”.

Salita Serbelloni em Bellagio
Salita Serbelloni em Bellagio © lavidaesmara

Além do mais, Bellagio está recheada de restaurantes, sendo inclusive afamada pela sua vida noturna. Se, no entanto, és como nós e procuras tranquilidade, recomendamos-te a desfrutar de um gelado tipicamente italiano numa esplanada em Bellagio. A vista é soberba e de cortar o ar.

Não te esqueças de visitar a Salita Serbelloni em Bellagio, que é precisamente o ponto mais fotografado de Bellagio (ver foto acima). As casas, as pessoas e a comida tornam Bellagio bastante pitoresca.

Podes também visitar a Basílica de San Giacomo em Bellagio, exemplar arquitetónico romano-lombardo, construída entre os anos 1075 e 1125 d.C pelos Mestres de Como. No seu interior conta com um rico altar dos inícios de 900 e também com uma escultura de madeira do “Cristo Enterrado” desenvolvido pela hispano-barroca. Só mesmo ver para crer!

Basiica di San Giacomo em Bellagio

Punta Spartivento em Bellagio

É aqui que os dois braços do Lago de Como se encontram. Para chegares à Punta Spartivento em Bellagio, um dos locais mais encantadores do Lago de Como precisas apenas de caminhar durante 10 minutos desde o cais. É um sítio perfeito para um passeio romântico.

Gelado italiano
Gelado italiano de manga em Bellagio © lavidaesmara

Podes aproveitar para observar um maravilhoso pôr do sol em Itália. Embora não tivéssemos tempo de ficar até ao pôr do sol – sem esquecer que durante o dia que visitámos a cidade estava bastante nublado – acreditamos que o famoso tramonto em Bellagio é especial, por ser comentado por vários turistas.

Lungolago Europa em Bellagio

O Lungolago Europa em Bellagio foi onde passámos mais tempo. Oferece uma vista incrível sobre o Grand Hotel Villa Serbelloni, sobre a torre da Basílica de San Giacomo e sobre o Albergo Genazzini. De qualquer forma, o que mais gostámos no Lungolago Europa em Bellagio foram as flores que decoram o local e tornam-no bastante envolvente, sobretudo as rosas vermelhas.

Lungolago Europa em Bellagio
Lungolago Europa em Bellagio © lavidaesmara

Se seguires para sul, depois do Lungolago Europa em Bellagio é possível desfrutar do sol e da praia no Lido di Bellagio. Ao seu redor não faltam experiências desportivas para conhecer ainda mais detalhadamente o lago, como passeios de barco de vela, caiaques, canoagem e SUP.

Villa Melzi e os seus jardins

A Villa Melzi em Bellagio é um dos locais mais arrepiantes nesta cidade, obra da responsabilidade do arquiteto Giocondo Albertolli, com jardins criados por Luigi Canonica e Luigi Villoresi, também eles autores do Parque de Monza. Atualmente, a Villa Melzi em Bellagio encontra-se habitada e não pode ser visitada no seu interior. De qualquer maneira, deixamos-te a seguir algumas informações sobre sua história e o que tanto oferecem os seus jardins, que neste caso podem ser visitados.

A sua história está intrinsecamente ligada a Francesco Melzi d’Eril, um culto milanês que foi também vice-presidente da República Italiana durante as conquistas napoleónicas (1802-1805). A Villa Melzi ficou concluída em 1810 e servia de residência de verão de Melzi, que assim poderia desfrutar do clima mais ameno de Bellagio, comparado àquele seco de Milão.

Os jardins da Villa Melzi são a principal razão pela qual muitos turistas decidem visitar esta pérola do Lago de Como. Junto às margens do lago, os jardins evocam a própria vida de Melzi d’Eril, e neles poderemos descobrir uma antiga estátua egípcia, relíquias da República Italiana, uma estátua de Dante e túmulos da família de Melzi, entre tantas coisas. A Villa Melzi tem estilo neoclássico e os seus jardins te deixarão completamente rendidos, seja pelas suas flores, como cedros japoneses, camélias e rododendros, seja pelas suas árvores cheias de cor e que cobrem o local.

Vale a pena fazer o passeio de barco no Lago de Como?

Antes de darmos o nosso artigo por concluído, queríamos partilhar contigo o quanto gostámos do nosso passeio de barco no Lago de Como. Na verdade e com uma certa surpresa não ouvimos ninguém a falar português nesta viagem. A região é preferida pelos americanos, franceses, suíços e alemães, mas temos a certeza que muitos portugueses não a visitam por a considerarem extremamente cara.

Ora, nós acreditamos que os valores do nosso passeio de barco no Lago de Como são bastante acessíveis, afinal conseguimos conhecer várias cidades e monumentos sem pagar mais do que 25,80 euros, exatamente o preço do bilhete pago para o passeio. Vale a pena fazer o passeio de barco no Lago de Como porque conseguirás observar como a água do lago muda de cor consoante as horas do dia, como consegues comprovar nas nossas fotografias. Nós recomendamos-te a planear a viagem como algum cuidado e definir bem aquilo que queres fazer, para que não ocorram imprevistos.

Nós não só tínhamos planeado este fantástico passeio pelo Lago de Como, como realizámos outras tantas atividades na região e ainda visitámos Lugano num caloroso dia de sol.

Além disso, podes aproveitar para descobrir os filmes que foram rodados no Lago de Como? Temos a certeza que és um amante de turismo cinematográfico por isso prepara as pipocas e a sessão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *