Vive a magia do Natal com estes memoráveis 25 filmes

Chegada finalmente a época natalícia, o La Vida es Mara decide partilhar contigo 25 memoráveis filmes para assistires em dezembro.

O Natal é a época mais familiar do ano. Poderemos sentir-nos um pouco mais próximos dos nossos familiares, dos nossos amigos, dos nossos animais domésticos, dos nossos vizinhos e dos nossos anjos da guarda.

Para a grande maioria, a época natalícia só faz sentido se vivida no contacto com os outros, sobretudo em solidariedade para aqueles que menos têm. As crianças espalhadas pelo mundo ficam acordadas até depois da meia-noite do dia 25 de dezembro, à espera da chegada do Pai Natal, para assim receber o presente tão desejado. O Natal está cheio de significados e pode ser vivido de diferentes maneiras.

Árvore de Natal em Covent Garden, Londres, Inglaterra, Reino Unido © lavidaesmara

Muitas pessoas preferem sentar-se confortavelmente no seu sofá e sentir o aconchego desde a televisão ou computador. São muitos os que gostam de sentir a nostalgia que proporciona esta festividade a partir de um ecrã e assim assistir aos melhores filmes de Natal da história do cinema. Foi nesse sentido, e para melhor celebrar o Advento, que o La Vida es Mara decidiu partilhar 25 memoráveis filmes de Natal. 

Queremos que celebres esta época natalícia da melhor forma possível, por isso preparámos também um conjunto de 10 atividades para fazer durante o Natal, que por sinal, são bastante divertidas!

Partilhamos essencialmente uma lista original dos filmes mais comentados durante esta tradição. Quer sejam filmes da Era Dourada de Hollywood (que muitas jovens espectadores parecem ter esquecido), sejam obras mais nostálgicas dos anos 80 e 90, ou mesmo os discursos de diversidade presentes nas tramas pós-contemporâneas, o Natal tem diferentes pontos de vista na arte das imagens em movimento.

Não importa se vais assistir a estes filmes em casal, com amigos ou sozinho. O espírito de Natal está prestes a chegar à sua casa. Segue com a leitura deste artigo e conhece todos os nossos filmes. Se quiseres aventura-te pelos nossos icónicos filmes sobre viagens e viaja desde a tua casa para alguns dos mais belos países do mundo.

🎅🤶Oh Oh Oh Feliz Natal! E bons filmes!

1. Lembra-te Daquela Noite (1940)

remember-that-night-film
“Lembra-te Daquela Noite” (1940) © Paramount Pictures

Pouco antes do Natal, Lee Leander (Barbara Stanwyck) é presa por roubo. Pela sua terceira infração, é processada por John Sargent (Fred MacMurray), que adia o julgamento após as comemorações, já que ter uma condenação durante essa época é difícil. Com pena de Lee, John paga a fiança e leva-a consigo para passar o Natal na casa da mãe. Os dois acabam irão apaixonar-se inesperadamente e trazer vários problemas para o julgamento que está por vir. O argumento é de Preston Sturges.

2. Não Há Como a Nossa Casa (1944)

meet-me-in-st-louis
Não Há Como a Nossa Casa (1944) © Metro-Goldwyn-Mayer (MGM)

Este terceiro filme de Vincente Minnelli é, para muitos, aquele que define o seu estilo. Para transformar a realidade quotidiana, Minnelli entremeou com canções esta típica história americana, sobre uma família feliz, situada em St. Louis em 1903, o ano em a cidade acolheu uma Exposição Universal. Margaret O’Brien recebeu o Óscar de Melhor Atriz Infantil e Judy Garland canta vários êxitos, como “The Trolley Song”, “The Boy Next Door” e “Have Yourself a Merry Little Christmas”. “Não Há Como a Nossa Casa” é um dos melhores clássicos de cinema sobre o Natal.

3. Do Céu Caiu Uma Estrela (1946)

wonderful-life
Do Céu Caiu Uma Estrela (1946) © Liberty Films

“Do Céu Caiu Uma Estrela” marcou o regresso de Frank Capra após a guerra. Transformou-se num filme-culto, de passagem obrigatória no período do Natal nos EUA, e hoje um pouco por todo o mundo. Pode ser a história de um homem que vê de súbito o seu mundo desaparecer, substituído por um pesadelo, onde tudo o que ama desaparece ou está contaminado pelo mal, e que busca desesperadamente uma nova oportunidade na noite de Natal. Pode ser a história de um anjo que busca também, desde há muito, a oportunidade de arranjar um par de asas. Pode ser, enfim, a história do mundo saído do pesadelo da guerra, perdidas as ilusões e também em busca de nova oportunidade.

4. De Ilusão Também Se Vive (1947)

ilusao-tambem-vive
De Ilusão Também Se Vive (1947) © Twentieth Century Fox

Um clássico do cinema, ”Milagre na Rua 34” (também conhecido com o título ”De Ilusão Também se Vive”) é uma fábula natalícia que conta a história de um senhor de olhos brilhantes, com uma enorme barriga e barba branca, contratado como Pai Natal pela loja de Departamento Macy’s. Quando o homem diz a todos ser de facto o icónico fazedor de brinquedos, irá gerar alguma polémica e ser submetido a exames médicos. Considerado louco, recebe a ajuda de um jovem advogado e de uma miúda. Um filme de Natal para toda a família, para quem é continua a acreditar na magia do Pai da Natal.

5. Natal Branco (1954)

natal-branco-filme
Natal Branco (1954) © Paramount Pictures

Após a Segunda Guerra, dois ex-companheiros de exército (Bing Crosby e Danny Kaye) formam dupla de cantores-dançarinos. Durante uma tour pelos EUA, encontram um ex-comandante, que enfrenta problemas financeiros, e resolvem ajudá-lo. A banda-sonora de “Natal Branco” é da autoria de Irving Berlin e inclui os sucessos ”White Christmas” e ”Count Your Blessings Instead of Sheep”, esta nomeada para o Óscar de Melhor Canção Original.

6. O Apartamento (1960)

O Apartamento (1960) © The Mirisch Corporation
O Apartamento (1960) © The Mirisch Corporation

Cinco Óscares da Academia para esta obra prima de Billy Wilder, a quem couberam três estatuetas (como produtor, realizador e argumentista), que mistura em doses perfeitas a comédia e o drama, a pureza e o cinismo. Jack Lemmon é um empregado de escritório que procura subir na hierarquia cedendo o seu apartamento para as aventuras extra-conjugais dos administradores. Até que se apaixona por uma dessas “conquistas”: Shirley MacLaine. Muitos esquecem que “O Apartamento” é um filme de Natal, afinal decorre durante a temporada: a sua trama começa a 1 de novembro e termina a 31 de dezembro.

7. Gremlins – Pequeno Monstro (1984)

gremlins
Gremlins – Pequeno Monstro (1984) © Warner Bros.

“Gremlins – Pequeno Monstro” foi o filme cómico de horror, escrito por Chris Columbus e realizado por Joe Dante, que tornou conhecidas as pequenas criaturas que, com o seu poder destrutivo e a sua atitude sarcástica, arrasam uma pequena cidade norte-americana na época de Natal. Em Kingston Falls, o inventor Rand Peltzer oferece ao seu filho Billy um presente de Natal muito original, um invulgar animal de estimação. Baptizado de Gizmo, o animal mostra-se simpático, inteligente e aparentemente inofensivo embora os donos tenham de respeitar três regras: o animalzinho não deve ser exposto à luz solar, não pode ter qualquer contacto com água e nunca pode ser alimentado depois da meia-noite. Acidentalmente, Gizmo molha-se e produz cinco criaturas que se transformam em monstros grotescos.

“Gremlins – Pequeno Monstro” está disponível na Netflix e pode ser visto aqui.

8. Die Hard – Assalto ao Arranha-Céus (1988)

die-hard
Die Hard – Assalto ao Arranha-Céus (1988) © Twentieth Century Fox

Ambientado em Los Angeles, protagonizado por Bruce Willis no papel de John McClane, detective de Nova Iorque, o primeiro DIE HARD é reconhecidamente um dos grandes filmes de acção dos anos 1980. O argumento baseia-se no romance de Roderick Thorp Nothing Lasts Forever. Reúnem-se como ingredientes de combinação improvável a época natalícia e o cenário de um imponente arranha-céus (em que a acção decorre), uma personagem que atravessa uma crise conjugal e o ataque terrorista em que se vê envolvido e resolve como um herói do cinema clássico (Willis/McClane). Ficou famosa a frase em que atira um “Yippee kai yay, motherfucker”.

9. Sozinho em Casa (1990)

home-alone
Sozinho em Casa (1990) © Hughes Entertainment, Twentieth Century Fox

Como não poderia deixar de ser temos “Sozinho em Casa” na nossa lista de melhores filmes sobre o Natal. Quando Kevin McCallister, de oito anos de idade, não se comporta bem na noite anterior a uma viagem da família para Paris, a sua mãe fá-lo dormir no sótão, e ele deseja que sua família não estivesse em casa. Após todos irem para o aeroporto sem Kevin, que acorda e acredita que o seu desejo de não ter família se tornou realidade, percebe que dois vigaristas planeiam assaltar a residência. Sozinho, Kevin precisará de proteger a casa da família destes atrapalhados ladrões.

10. Eduardo Mãos de Tesoura (1990)

eduardo-maos-tesoura
Eduardo Mãos de Tesoura (1990) © Twentieth Century Fox

Foi o filme que chamou as atenções para a obra de um pálido e excêntrico americano, Tim Burton. Revelava um mundo distorcido e de personagens emocionalmente aleijadas. “Batman” ainda foi olhado com alguma desconfiança – era sobretudo um produto industrial, disse-se – mas “Eduardo Mãos de Tesoura” valeu a Burton ser considerado, por direito próprio, um “autor” com “universo” – conceitos que fazem sentido para os europeus, mas se calhar para um cineasta americano a trabalhar num contexto industrial ajudam pouco. Com esta história – de reconhecimento e de aceitação, que é aquilo que deseja Eduardo Mãos de Tesoura -, Burton realizava uma obra que tinha a perfeição dos modelos: um mundo em miniatura de cores puríssimas, verde, azul, amarelo e rosa; cenários e personagens da América média como bonecos, conceitos; a rejeição e a epifania do reconhecimento e uma sexualidade angustiante. É um mundo delirante, onde os sentimentos e emoções não se libertam e se desenvolvem para dentro, rasgando o corpo. No caso de “Eduardo Mãos de Tesoura”, Johnny Depp, que não pode dar abraços porque isso pode matar, ficará condenado a esculpir estátuas de gelo para a eternidade.

11. As Mulherzinhas (1994)

LITWOMAN-CTIT-CT-6076
As Mulherzinhas (1994) © Columbia Pictures

As irmãs March enfrentam problemas crescentes como falta de dinheiro, tragédias familiares e rivalidades românticas na Massachusetts de meados do século 19. Jo luta por independência e, às vezes, entra em conflitos com a mãe e as irmãs Meg, Amy e Beth. Ela também lida com a rabugenta Tia March, o impulsivo vizinho Laurie e o bondoso professor Friedrich Bhaer.

12. O Amor Acontece (2003)

O Amor Acontece (2003) © Universal Pictures
O Amor Acontece (2003) © Universal Pictures

Nove histórias que se entrelaçam mostrando as complexidades da emoção que nos conecta a todos: o amor. Entre os personagens, o belo recém-eleito primeiro-ministro britânico, David, que se apaixona por uma jovem funcionária. Uma desenhista gráfica, Sarah, cuja devoção a seu irmão, doente mental, complica sua vida amorosa. Harry, um homem casado tentado por sua atraente nova secretária. São vidas e amores que se misturam na romântica Londres, e atingem o seu clímax na noite de Natal.

13. Polar Express (2004)

polar-express
Polar Express (2004) © Castle Rock Entertainment

Quando toda a família e amigos insistem que o Pai Natal não existe, não é fácil acreditar realmente no senhor das barbas. Mas uma criança é acordada a meio da noite por um comboio que a levará directamente ao Pólo Norte para conhecer o Pai Natal. Trata-se um filme de animação realizado Robert Zemeckis, com Tom Hanks, a partir de imagens com actores reais e tratadas posteriormente por computador.

“Polar Express” está disponível na Netflix e podes ser visto aqui.

14. A Joia da Família (2005)

A Joia da Família (2005) © Fox 2000 Pictures
A Joia da Família (2005) © Fox 2000 Pictures

Uma história divertida sobre a reunião anual, durante as férias de Natal, de uma família da Nova Inglaterra, os Stones. Desta vez, o filho mais velho leva a sua casa a namorada para conhecer os seus pais, irmãos e irmãs. Os boémios Stones acolhem a sua visita – uma inflexível e dominadora Nova Iorquina – com uma mistura de embaraço, confusão e hostilidade. Os resultados, desse encontro de personalidades tão distintas, são caóticos e inesquecíveis… Antes das férias acabarem, os relacionamentos esclarecem-se enquanto novas relações se formam, segredos serão revelados, e a família Stone continuará unida através da sua extraordinária capacidade de amar.

15. O Amor Não Tira Férias (2006)

O Amor Não Tira Férias (2006) © Columbia Pictures
O Amor Não Tira Férias (2006) © Columbia Pictures

Iris (Kate Winslet) escreve uma coluna sobre casamento bastante conhecida no Daily Telegraph, de Londres. Ela está apaixonada por Jasper (Rufus Sewell), mas logo descobre que ele está prestes a se casar com outra. Bem longe dali, em Los Angeles, está Amanda (Cameron Diaz), dona de uma próspera agência de publicidade especializada na produção de trailers de filmes. Após descobrir que seu namorado, Ethan (Edward Burns), não tem sido fiel, Amanda encontra na internet um site especializado em intercâmbio de casas. Ela e Iris entram em contato e combinam a troca. Logo a mudança trará reflexos na vida amorosa de ambas, com Iris conhecendo Miles (Jack Black), um compositor de cinema, e Amanda se envolvendo com Graham (Jude Law), irmão de Iris.

O Amor Não Tira Férias” está disponível na Netflix e pode ser visto aqui.

16. Uns Sogros de Fugir (2008)

uns-sogros-de-fugir
Uns Sogros de Fugir (2008) © New Line Cinema

Brad (Vince Vaughn) e Kate (Reese Witherspoon) tentam sempre festejar o Natal da melhor forma. E a melhor forma de o fazer é viajar para um país exótico, bem longe das famílias de ambos. Mas, desta vez, ficam retidos no aeroporto e são obrigados a enfrentar os requisitos familiares. O pai dele, a mãe dela, a mãe dele e o pai dela. Todos divorciados, todos a quererem passar o Natal com eles. Um verdadeiro quebra-cabeças que pode tornar um Natal insuportável.

17. Um Conto de Natal (2009)

Um Conto de Natal (2009) © Walt Disney Pictures,
Um Conto de Natal (2009) © Walt Disney Pictures,

Ebenezer Scrooge é um velho de coração duro que não acredita no espírito natalício. Na véspera de Natal recebe a visita de três fantasmas: do Natal Passado, Presente e Futuro. Com eles fará uma reflexão sobre a sua maneira de viver e de como isso o impede de ser feliz e trazer felicidade aos que o rodeiam. Mais uma versão animada do célebre conto de Charles Dickens sobre a avareza, materialismo e a importância do amor. Depois do “Polar Express” e “Beowulf”, Robert Zemeckis regressa à animação digitalizada, desta vez com os gestos e emoções do expressivo Jim Carey que dá vida às quatro personagens principais

18. Arthur Christmas (2011)

Arthur Christmas © Aardman Animations
Arthur Christmas © Aardman Animations

Arthur Christmas” finalmente revela a incrível e nunca antes ouvida resposta à pergunta que todas as crianças fazem: “Como é que o Pai Natal consegue entregar todos os presentes numa só noite?”. A resposta: o Pai Natal gere uma operação ultra secreta escondida no Pólo Norte. Quando esta surpreendente operação se esquece do presente de uma das centenas de milhões de crianças, o menos apto da família do Pai Natal – o filho mais novo do Pai Natal, Arthur – embarca numa hilariante e incrível missão contra o relógio para conseguir entregar o último presente antes da manhã de Natal.

19. A Origem dos Guardiões (2012)

A Origem dos Guardiões (2012) © DreamWorks Animation
A Origem dos Guardiões (2012) © DreamWorks Animation

As crianças do mundo inteiro são protegidas por um grupo de guardiões: Pai Natal, Fada dos Dentes, Coelho da Páscoa e Sandman. São eles que garantem a inocência e as lendas infantis. Mas um espírito maligno pretende transformar todos os sonhos em pesadelos, despertando o medo nas crianças. Para combater este adversário poderoso, surgirá um novo guardião para ajudar o grupo: Jack Frost, um adolescente invisível que controla o inverno. Sem conhecer a sua própria vocação de guardião, Jack embarca numa aventura na qual vai descobrir tanto sobre as crianças quanto sobre o seu próprio passado.

A Origem dos Guardiões” está disponível na Netflix e pode ser visto aqui.

20. Carol (2015)

Carol (2015) © The Weinstein Company
Carol (2015) © The Weinstein Company

Nova Iorque (EUA), década de 1950. A jovem Therese Belivet sobrevive com um emprego na secção de brinquedos de um grande armazém ao mesmo tempo que sonha com uma carreira como fotógrafa profissional. Um dia, conhece Carol Aird, uma mulher sofisticada de cabelos loiros e casaco de vison que ali chega para comprar um presente de Natal para a filha. Therese anota o endereço de envio do brinquedo e, num impulso, escreve um cartão de felicitações. Carol, que está a viver um momento conturbado e que se encontra à beira do divórcio com Harge, o marido, responde. Mais tarde, as duas encontram-se e ficam amigas. Com o tempo, a amizade converte-se em intimidade e paixão. Mas quando a relação se torna evidente, o marido de Carol retalia pondo em causa a sua competência enquanto mãe e exigindo a guarda total da filha de ambos. É então que Carol, desesperada, desafia Therese a fazer uma longa viagem pelos EUA…

21. O Natal de Ângela (2017)

O Natal de Ângela (2017) © Brown Bag Films
O Natal de Ângela (2017) © Brown Bag Films

O Natal de Angela conta a história de uma miúda, que resolve “raptar” o Menino Jesus de um presépio por uma boa causa: ele está nu, e Angela pretende aquecê-lo do rigoroso inverno. É então que resolve levá-lo consigo para que ele não sinta mais frio.

“O Natal de Ângela” está disponível na Netflix e pode ser visto aqui.

22. Grinch (2018)

grinch
Grinch (2018) © Universal Pictures

Grinch, uma criatura verde, peluda e de feitio irascível, chegou para estragar o Natal. Nauseado com a alegria que irradia das pessoas nesta época do ano, decide roubar todos os símbolos associados à festividade e terminar de vez com o espírito natalício. Disfarçado de Pai Natal, entra pelas chaminés de todas as casas da cidade e rouba os presentes lá colocados. No meio de tanta obsessão em desfazer a felicidade a toda a gente, Grinch vai esquecer-se de algo muito importante: o optimismo e a gratidão movem montanhas…

Na Netflix poderás assistir ao filme “Grinch” de imagem real protagonizado por Jim Carrey. Este é um dos nossos filmes em destaque no artigo 10 Coisas para fazer durante o Natal.

23. Klaus (2019)

Klaus (2019) The SPA Studios
Klaus (2019) The SPA Studios

Em Smeerensburg, remota ilha localizada acima do Círculo Ártico, Jesper (Jason Schwartzman) é um estudante da Academia Postal que enfrenta um sério problema: os habitantes da cidade brigam o tempo todo, sem demonstrar o menor interesse por cartas. Prestes a desistir da profissão, ele encontra apoio na professora Alva (Rashida Jones) e no misterioso carpinteiro Klaus (J.K. Simmons), que vive sozinho em sua casa repleta de brinquedos feitos a mão.

Klaus” está disponível na Netflix e pode ser visto aqui.

24. Jingle Jangle: A Christmas Journey (2020)

jingle-jangle
Jingle Jangle: A Christmas Journey (2020) © Golden Girl

Décadas após ter sido traído pelo seu aprendiz, um outrora alegre criador de brinquedos encontra uma nova esperança quando a sua gentil e curiosa neta entra na sua vida. Jingle Jangle promete ser um dos melhores filmes de Natal sobre a diversidade, o amor e a magia comum a esta temporada.

Jingle Jangle: A Christmas Journey” está disponível na Netflix e pode ser visto aqui.

25. Happiest Season (2020)

happiest-season
Happiest Season © Hulu

Em Happiest Season, uma jovem está finalmente decidida a pedir a sua namorada em casamento durante uma festa de família. No entanto, ao descobrir que ela ainda não se assumiu para os pais, os seus planos são suspensos.


🎄Queres preparar a tua viagem da melhor maneira possível? Reserva as atividades e excursões perfeitas na Civitatis.

✨Faz como nós e edita as tuas fotografias com os fantásticos Maja presets.

📸Para mais destinos inspiradores, segue-nos no Instagram.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s